Jornada Mundial da Juventude: Papa Francisco desembarca na Polônia

Não houve discurso no Aeroporto, mas uma acolhida oficial e informal, numa cerimônia em que foram entoados os hinos dos dois Estados.
O Papa Francisco já está em terras polonesas para a 31ª Jornada Mundial da Juventude. É a 15ª  Viagem Apostólica internacional de seu pontificado.
O voo da Alitália que levou o Papa à Polônia partiu às 14h13min (horário local) do Aeroporto Fiumino, em Roma. Após ter percorrido 1.100 km, em menos de duas horas, o voo aterrissou pouco antes das 16 horas no Aeroporto São João Paulo II, em Balice, distante 11 km de Cracóvia.
O Pontífice foi recebido pelo Presidente polonês, Andrzej Duda, acompanhado pela esposa. Não houve discurso no Aeroporto, mas uma acolhida oficial e informal, numa cerimônia em que foram entoados os hinos dos dois Estados e apresentadas as respectivas delegações.
PapanaCracovia

Durante a noite, o Santo Padre deve saudar fiéis da janela da arquidiocese de Cracóvia. Além de sua participação na Jornada Mundial da Juventude (JMJ), Francisco aproveitará a ida à terra natal de João Paulo II para visitar o campo de concentração de Auschwitz e celebrar uma missa pelo 1050º aniversário do país.

A JMJ será encerrada dia 31 e deve reunir milhares de pessoas. Ao todo, mais de 38 mil agentes das forças de segurança foram destacados para proteger o evento. A ideia do evento foi lançada pelo Papa João Paulo II que, depois da missa com os jovens no parque Eduardo VII, em Lisboa, no ano de 1982, teria pensado em uma manifestação dedicada aos jovens católicos de todo o mundo. Em 1985, com o Ano Internacional da Juventude, a ideia deu lugar à JMJ.